‘Prevenção ao terrorismo’, diz China sobre prisão de muçulmanos

0
0

Regime chinês fala em prevenção ao terrorismo ao tentar explicar prisão de muçulmanos.

Pequim respondeu, nesta segunda-feira (18), ao vazamento de arquivos internos do regime pelo jornal norte-americano New York Times

No último sábado (16), o periódico publicou 403 páginas de documentos vazados que relacionam o mandatário Xi Jinping e o Partido Comunista da China a detenções em massa de muçulmanos da região oeste de Xinjiang

A reportagem descreve como cidadãos foram aprisionados e submetidos a tratamentos violentos para se livrarem do “vírus do extremismo religioso”. 

Em entrevista, Geng Shuang, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, não negou a veracidade dos documentos, mas acusou os repórteres do New York Times de má interpretação intencional. 

Shuang ainda ressaltou que “os assuntos de Xinjiang são puramente assuntos internos da China”.

“A questão que Xinjiang enfrenta não é sobre etnia, religião ou direitos humanos. Graças à luta preventiva contra o terrorismo e os esforços de desradicalização, Xinjiang não viu um único incidente violento e terrorista nos últimos 3 anos“, acrescentou Shuang, segundo o site Poder360 .

LEIA NO SITE » ‘Prevenção ao terrorismo’, diz China sobre prisão de muçulmanos

Fonte: https://renovamidia.com.br/prevencao-ao-terrorismo-diz-china-sobre-prisao-de-muculmanos/